Pernambuco registra queda nos crimes contra mulher | Rota do Sertão

NOTÍCIAS

Pernambuco registra queda nos crimes contra mulher

17/11/2020 22:50 Os homicídios recuaram na RMR e no Agreste, mas aumentaram 5,7% no somatório geral do Estado. Pernambuco registra queda nos crimes contra mulher

Em outubro de 2020, a violência doméstica e o estupro mostraram uma redução de 4,1% e 28,19%, respectivamente. Na Região Metropolitana do Recife, os crimes sexuais chegaram a diminuir 48,65%. Os homicídios recuaram na RMR e no Agreste, mas aumentaram 5,7% no somatório geral do Estado.

Secretaria de Defesa Social

Pernambuco chega ao 10º mês deste ano com a redução de queixas de violência doméstica e familiar contra a mulher. O mês de outubro registrou uma retração de 4,1% quando comparado ao mesmo período de 2019, saindo de 3.903 para 3.743 denúncias. A queda também é observada no acumulado do ano, entre janeiro e outubro, com uma diminuição de 35.163 casos em 2019 para 33.666 em 2020, representando um recuo de 4,26% nos índices. A maior queda de denúncias no mês de outubro ocorreu na Zona da Mata, com 17,87% de redução e, no acumulado do ano, o Recife foi a região que teve a maior retração com 15,14%.

Os casos de estupro também seguem essa tendência de queda, com 163 casos registrados neste mês de outubro contra 227 no ano passado, representando -28,19%. A Região Metropolitana apresentou uma redução de 48,65% de registros de estupro nesse período, saindo de 74 para 38 casos. No acumulado do ano, a retração foi de 13,79% no Estado, saindo de 2.182 casos de estupro em 2019 para 1.881 em 2020. Nesse período, a maior redução, de 19,95%, ocorreu no Recife, saindo de 391 para 313 registros desse tipo de crime.

“Mesmo os números mostrando redução, sempre temos de levar em consideração a subnotificação, uma vez que esses crimes ocorrem dentro dos lares. E colaboram para isso o medo e constrangimento das vítimas e, muitas vezes, a cumplicidade de familiares e pessoas próximas. Por isso, é preciso manter a rede de proteção sempre vigilante. Capacitamos continuamente nossos profissionais para esse atendimento especializado e divulgamos a Lei Maria da Penha. Como expandimos, durante a pandemia, os tipos de violência contra a mulher que podem ser denunciados pela Delegacia pela Internet (https://servicos.sds.pe.gov.br/delegacia/), verificamos, nos meses de maior isolamento social, um aumento dos BOs eletrônicos. Agora, aumentou a procura na forma presencial. É importante ressaltar que, durante todo esse período pandêmico, as unidades da Delegacia da Mulher mantiveram o pleno funcionamento, investigando e ajudando a responsabilizar os agressores. O esforço desse trabalho aparece nas estatísticas, porém, o mais importante é a transformação que ele traz para a vida de pessoas e famílias inteiras”, destaca a gestora do Departamento de Polícia da Mulher (Dpmul), delegada Julieta Japiassu.

COMO DENUNCIAR – O mês de outubro não apresentou variação percentual nos crimes de feminicídios, que registrou 06 vítimas tanto em 2019 como em 2020, nesse período. Quando comparados os acumulados dos dois anos, houve um aumento de oito vítimas. Foram 51 crimes em 2019 e 59 em 2020, o que representa um aumento de 15,7%. Os homicídios contra mulheres também não tiveram variação percentual no mês de outubro, que registrou 22 casos tanto em 2019 como em 2020. O acumulado do ano mostra um aumento de 18 vítimas, quando comparado janeiro a outubro de 2019 com 2020, saindo de 170 casos para 188, uma variação de 10,6%.

Para reforçar o combate à violência contra a mulher e evitar que esse tipo de crime culmine em feminicídio, a Secretaria de Defesa Social vem adotando uma série de medidas, como a intensificação da Patrulha Maria da Penha, dos Plantões 190 e das 11 delegacias da Mulher. Importante lembrar que onde não houver uma unidade especializada, a população pode procurar qualquer delegacia de Polícia Civil mais próxima e, em caso de emergência policial, a orientação é ligar para o 190 Mulher.

PERNAMBUCO TEM 333 HOMICÍDIOS NO 10º MÊS DO ANO – Em todo o Estado, outubro deste ano terminou com 333 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), oscilando em 5,7% em relação ao décimo mês de 2019, quando houve 315 casos. Desde janeiro até 31/10, as vítimas de homicídio em Pernambuco este ano foram 3.171, 10,3% a mais do que as 2.876 no período equivalente do ano precedente.

“As forças de segurança pública estão empenhadas em reverter o atual quadro de homicídios em Pernambuco, com o fortalecimento de forças-tarefa e operações de repressão qualificada. Já vemos resultados, como a prisão de 213 pessoas acusadas de praticar homicídios, durante todo o mês de outubro. Também no mês passado, conseguimos o recorde mensal deste ano em apreensão de armas, 675 no total, o que contribuiu para chegarmos às 5.638 armas apreendidas desde janeiro. E as autuações por tráfico de drogas estão aumentando mês a mês, o que fez outubro alcançar 888 ocorrências, praticamente o dobro das 445 de janeiro, atingindo no ano inteiro quase 7 mil autuações. Seguiremos ajustando as estratégias de prevenção e repressão não apenas para retomar a linha descendente dos CVLIs, mas fundamentalmente para preservar mais vidas”, afirma o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antonio de Pádua.

AGRESTE E RMR REDUZEM CVLI EM OUTUBRO – Analisando-se as regiões, os municípios metropolitanos (exceto o Recife) e os do Agreste obtiveram significativa redução de CVLIs em outubro último. A RMR caiu de 103 para 84 homicídios no mês, isto é, -18,45%. Por sua vez, o Agreste recuou de 85 para 71 casos, o que representa uma diferença de -16,47%. Inclusive, a Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14), com sede em Caruaru, fechou o mês com o menor número de homicídios dos últimos 17 meses: 18 casos, um acima do registrado em maio de 2019.

Entre janeiro e outubro deste ano, o Agreste conseguiu manter os homicídios em baixa na comparação com igual período do ano passado. Diminuiu de 752 para 748 (-0,53%). Por outro lado, a RMR teve 893 CVLIs nesse intervalo em 2020, contra 843 em 2019 (5,93%).

Nas demais regiões, verificou-se aumento. A Zona da Mata passou de 52 para 65 vítimas de outubro de 2019 para o mesmo mês em 2020, acréscimo de 25%. Já o Recife saiu de 45 para 59 (31,11%), enquanto o Sertão foi de 30 para 54 (80%).

LISTA DOS 83 MUNICÍPIOS SEM CVLI EM OUTUBRO (INCLUI FERNANDO DE NORONHA)

Afogados da Ingazeira, Agrestina, Alagoinha, Altinho, Angelim, Araçoiaba, Arcoverde, Barra de Guabiraba, Belém de Maria, Belém do São Francisco, Betânia, Bodocó, Bom Conselho, Bom Jardim, Bonito, Brejinho, Brejo da Madre de Deus, Buenos Aires, Cachoeirinha, Caetés, Calçado, Camutanga, Canhotinho, Cedro, Chã de Alegria, Chã Grande, Cortês, Cumaru, Cupira, Dormentes, Fernando de Noronha, Ferreiros, Frei Miguelinho, Granito, Iguaraci, Ingazeira, Itacuruba, Itapetim, Itaquitinga, Jaqueira, Jatobá, Jupi, Jurema, Lagoa do Ouro, Lagoa dos Gatos, Lagoa Grande, Machados, Maraial, Moreilândia, Moreno, Nazaré da Mata, Orobó, Orocó, Palmeirina, Parnamirim, Pedra, Poção, Quixaba, Sairé, Salgadinho, Salgueiro, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Maria do Cambucá, São Benedito do Sul, São Bento do Una, São Caetano, São João, São José do Egito, Solidão, Surubim, Tacaimbó, Tamandaré, Taquaritinga do Norte, Terezinha, Toritama, Tracunhaém, Trindade, Tuparetama, Verdejante, Vertente do Lério, Vicência e Xexéu.

 

 

Fonte: rotadosertao.com / Com informações do O Povo com a Notícia

Crédito Foto: Divulgação

Tags: Pernambuco, registra ,queda ,crimes ,mulher
Comentários:
    Seja o primeiro a comentar...

Mais lidas

Por causa de um gato, homem é assassinado pelo vizinho a golpes de facão Bahia 10/01/2013 14:44 Por causa de um gato, homem é assassinado pelo vizinho a golpes de facão A confusão começou porque Linaldo supostamente matou o gato da...
PM evita invasão ao Fórum de Frei Paulo Sergipe 10/05/2010 10:17 PM evita invasão ao Fórum de Frei Paulo Polícia é acionada por juíza para conter invasão ao Fórum...
Há oito anos Alagoas perdia o cantor Kara Veia Alagoas 27/03/2012 16:15 Há oito anos Alagoas perdia o cantor Kara Veia Cantor até hoje tem sua canções tocadas em emissoras de...
Contratado para dar experiência à zaga do Santa, Danny Morais quer ser líder no clube Esportes / Pernambuco 03/06/2018 11:16 Contratado para dar experiência à zaga do Santa, Danny Morais quer ser líder no clube Zagueiro destaca papel nos problemas fora das quatro linhas e...
Advogado tenta impedir reportagem que denuncia deputada Thaise Guedes Alagoas / Política 03/02/2018 14:32 Advogado tenta impedir reportagem que denuncia deputada Thaise Guedes EXTRA é ameaçado de processo ao apurar denúncia contra parlamentar.