Governo de AL autoriza contratação de empresas para cinco concursos com 4.745 vagas | Rota do Sertão

NOTÍCIAS

Governo de AL autoriza contratação de empresas para cinco concursos com 4.745 vagas

13/01/2021 00:59 Previsão para o lançamento dos editais da PM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Educação e PGE é entre abril e junho deste ano. Governo de AL autoriza contratação de empresas para cinco concursos com 4.745 vagas

A autorização para a contratação das empresas que ficarão responsáveis pela realização de novos cinco concursos públicos em Alagoas será publicada na edição desta quarta-feira (13) do Diário Oficial do Estado (DOE). O anúncio foi feito pelo governador Renan Filho, na tarde desta terça (12), em transmissão ao vivo pelo Instagram. No total, serão oferecidas 4.745 vagas. A previsão para o lançamento dos editais é entre abril e junho deste ano.

Renan Filho afirmou que as empresas ficarão responsáveis pela elaboração dos concursos públicos voltados às polícias Civil (PC) e Militar (PM), ao Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL), à Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e à Procuradoria Geral do Estado (PGE).

“O Governo de Alagoas enfrenta o desafio de realizar concursos públicos em todas as áreas para melhorar as políticas públicas prestadas pelo Estado e oferecer oportunidades às pessoas”, disse o governador, durante a transmissão.

De acordo com a Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), serão 1.060 vagas para a PM, sendo 1.000 para soldado combatente e 60 para oficial combatente; e 170 para o CBMAL, sendo 150 para soldado combatente e 20 para oficial combatente. Para as duas corporações, o grau de escolaridade exigido será o ensino médio completo, tanto para soldado quanto para oficial.

A Seduc ofertará 3.000 vagas para o cargo de professor. Já o concurso para a PC destinará 500 vagas, sendo 368 para o cargo de agente e 132 para escrivão. Por fim, a PGE oferecerá 15 vagas destinadas ao cargo de Procurador do Estado. Nestes três certames, o nível de escolaridade exigido será o superior completo.

O governador ressaltou que mesmo em meio a uma crise econômica global provocada pela pandemia do novo coronavírus, Alagoas vem promovendo investimentos em todas as áreas e, ainda, realizando concursos públicos, um anseio da sociedade.

“Estamos conseguindo fazer valer a vontade das pessoas, mesmo em meio a um cenário tão desafiador”, destacou Renan Filho, garantindo que o Governo do Estado promoverá outros concursos públicos como, por exemplo, para agentes penitenciários e para a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

A Saúde, aliás, vem recebendo investimentos robustos, lembrou Renan Filho, com a construção de sete hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAS), na capital e no interior do estado.

 

 

Fonte: rotadosertao.com / Com informações de Severino Carvalho

Crédito Foto: Assessoria / Arquivo

Tags: Governo ,autoriza ,contratação ,empresas ,cinco ,concursos ,4.745, vagas
Comentários:
    Seja o primeiro a comentar...

Mais lidas

Por causa de um gato, homem é assassinado pelo vizinho a golpes de facão Bahia 10/01/2013 14:44 Por causa de um gato, homem é assassinado pelo vizinho a golpes de facão A confusão começou porque Linaldo supostamente matou o gato da...
PM evita invasão ao Fórum de Frei Paulo Sergipe 10/05/2010 10:17 PM evita invasão ao Fórum de Frei Paulo Polícia é acionada por juíza para conter invasão ao Fórum...
Há oito anos Alagoas perdia o cantor Kara Veia Alagoas 27/03/2012 16:15 Há oito anos Alagoas perdia o cantor Kara Veia Cantor até hoje tem sua canções tocadas em emissoras de...
Contratado para dar experiência à zaga do Santa, Danny Morais quer ser líder no clube Esportes / Pernambuco 03/06/2018 11:16 Contratado para dar experiência à zaga do Santa, Danny Morais quer ser líder no clube Zagueiro destaca papel nos problemas fora das quatro linhas e...
Advogado tenta impedir reportagem que denuncia deputada Thaise Guedes Alagoas / Política 03/02/2018 14:32 Advogado tenta impedir reportagem que denuncia deputada Thaise Guedes EXTRA é ameaçado de processo ao apurar denúncia contra parlamentar.